Conheça 4 tipos de tecidos para sofás

Escolher um bom sofá nem sempre é uma tarefa fácil. Entender qual é o melhor tecido, dentre tantas diversas opções disponíveis no mercado, nem sempre é fácil. É preciso levar em conta inúmeros fatores, como decoração, estilo, ambientes e muito mais!

 

Para quem não abre mão de uma decoração aconchegante e que combine com a mobília de toda a sala, é importante decidir por um sofá, ou reforma dele, depois de pesquisar bem e estar certo da escolha, para que não haja arrependimentos ou maiores problemas, afinal, repaginar sofás antigos, muitas vezes pode significar uma grande economia no bolso. 

tecido

E para que você saiba mais, e não erre na hora da escolha, não poderíamos deixar de separar quatro tipos de tecidos para sofás. Acompanhe com a gente!

 

O clássico e infalível jacquard

O tecido jacquard é considerado um dos maiores clássicos quando o assunto é sofá. Além de apresentar uma durabilidade incrível e vantajosa, o jacquard proporciona um conforto único para este tipo de móvel. Além disso, possui a vantagem de ser um tecido indicado para quem possui crianças pequenas e pets em casa, já que é super fácil de limpar e não deixa a beleza e elegância de lado.

 

A elegância do linho

Com uma textura mais leve e elegante, o linho é um dos tecidos mais queridinhos quando falamos de sofás para ambientes minimalistas e que também precisam de amplitude, isso porque, sua delicadeza entrega muito na hora de decorar qualquer ambiente, não exigindo muitas outras peças de decoração.

 

Como tecido mais delicado, a padronagem do sofá de linho não é recomendada para casas que possuem pets ou crianças, nem mesmo para ambientes externos, já que como tecido permeável, sua limpeza é mais difícil, exigindo profissionais e produtos específicos.

 

O nobre tweed

Para quem não dispensa uma padronagem mais nobre, com estrutura imponente, volumosa e muito resistente, o tecido tweed é perfeito!

 

Com uma vida útil mais longa, o tecido é ideal para sofás para casas localizadas em regiões mais frias e ambientes com uma decoração mais vintage. 

 

O tecido tweed também é indicado para quem possui crianças e pets, devido à sua alta resistência, porém, não se engane: o tweed possui um custo mais elevado quando comparado aos demais tipos de tecidos para sofá.

 

A maciez do veludo

Outro tecido indicado para regiões mais geladas e frias é o veludo. Em geral, é visto ao lado de decorações mais sofisticadas e modernas, deixando qualquer ambiente mais aconchegante, sendo uma ótima combinação para casas de campo ou montanhas.

 

Agora, para casas na praia ou em regiões de alta temperatura, o tecido veludo não é uma boa opção, assim como ambientes com um grande número de circulação de pessoas.

 

Sabemos que uma mudança no tecido do sofá pode causar grande diferença na composição de sua sala. Portanto, é importante saber que não basta apenas escolher a melhor textura de tecido, é preciso também que ele complemente sua decoração perfeitamente. Quando chegar a hora de optar pelo seu, leve em conta as diversas dicas que apresentamos, encontre uma boa loja de tecidos e lembre-se: o ideal é unir praticidade de limpeza e conservação com beleza e estilo. Enjoy!

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.