Ano novo movimenta setor de estética!

Setor vem crescimento de vendas e serviços., veja como ano novo movimenta o setor de estética na economia!

Que a pandemia afetou nossa economia dramaticamente, ninguem tem duvidas. E um dos setores que sofreu bastante foi o d estetica, uma vez que as mulheres não podiam ir presencialmente aos salões de beleza ou clínicas devido ao perigo de contaminação. Mas agora, dados de associacoes e do ibge reforçam que o setor vive uma boa retomada. O ano novo inclusive traz boas novas para o mercado, com pessoas fazendo unhas decoradas para o ano novo ou mesmo procedimentos de ultima hora como botox, lift e outros.

Setor de estética cresce na pandemia

A economia brasileira deve apresentar boa recuperação no segundo semestre, dizem os especialistas que estimam um crescimento de 5,30% do PIB (Produto Interno Bruto) este ano e 2,05% para 2022.

setor estetica

Dados divulgados pela Associação Brasileira da Indústria de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos (ABIHPEC) evidenciam que a estética é um dos ramos de maior expansão no mercado brasileiro, colocando o país em terceiro lugar no ranking mundial. Só entre os anos de 2014 e 2019, o mercado de estética cresceu 567% no país.A Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica divulgou que a busca por procedimentos minimamente invasivos cresceu 390% em dois anos. Além disso, mesmo em meio à pandemia durante o ano de 2020, houve um crescimento de 5,8% do setor, que também se confirmou no primeiro quadrimestre, com 5,7% de crescimento em 2021, segundo a ABIHPEC.

Lucy Onodera disse que foi preciso unir forças. “O setor de beleza e estética se uniu para trocar informações e enfrentar o momento. Contamos também com a colaboração da Associação Brasileira de Estética e Spas (ABES) e da Associação Brasileira de Franchising (ABF). Buscamos nos unir já que o momento era de incertezas, sem saber o que viria pela frente. Criamos grupos de WhatsApp para levar consultorias aos nossos colaboradores e não deixamos de lado o contato com os clientes, pelo contrário, fortalecemos nossa presença no mercado”, explica.

Mesmo apaixonados por beleza, os consumidores são movidos agora por novos hábitos de consumo, que devem continuar mesmo depois que a pandemia acabar – o que ninguém sabe quando vai acontecer. É certo, porém, que o mundo não será o mesmo. “A pandemia trouxe uma reflexão para todos, deixando os consumidores mais conscientes. O propósito e as ações das marcas, a garantia de origem na produção e temas relacionados à sustentabilidade passam a ter ainda mais relevância”, fala Sabrina Zanker, diretora de marketing da L’Oréal Luxe, dona das marcas Lancôme, Giorgio Armani, Yves Saint Laurent Beauté e Urban Decay.

Novidades iremos adicionar na materia!

Sugestões podem deixar nos comentários!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.