EUA quer adotar passaporte de vacinação para viagens

Governo dos Estados Unidos quer criar um certificado sanitário, uma especia de passaporte de vacinação para poder retomar o turismo internacional, apesar de discordâncias internas

De acordo com informações divulgadas agora há pouco pela agência AFP, os Estados Unidos consideram adotar um passaporte de vacinação para viagens internacionais – informou o secretário de Segurança Interna, Alejandro Mayorkas, nesta sexta-feira (28).

“Estamos estudando muito detidamente” a ideia de um passaporte especial para americanos vacinados contra a covid-19 que viajam de e para o exterior, disse ele ao canal de televisão ABC.

EUA quer adotar passaporte de vacinação para viagens

No início de abril, a Casa Branca chegou a afirmar que não implementaria um sistema federal de passaporte de vacinação, medida que enfrenta grande resistência dos republicanos. Alguns governadores do partido assinaram, inclusive, decretos para que seus Estados sejam proibidos de exigir qualquer certificado. Mas como sempre, na politica nada que se fala se escreve.

A ideia se refere à criação de uma espécie de documento especial para norte-americanos que já foram vacinados contra o novo coronavírus, e que fazem viagens para fora do país.

De acordo com Mayorkas, o governo do atual presidente Joe Biden, se preocupa em “assegurar que os passaportes que forem oferecidos para a vacinação estejam disponíveis para todos e que ninguém fique de fora”.

Uniao europeia quer fazer algo parecido

A União Europeia está preparando o lançamento de um certificado de saúde para junho, e vários países do bloco pretendem criar um similar em nível nacional.

A ideia está causando polêmica nos Estados Unidos, onde alguns estados, como Nova York, têm seu próprio certificado, enquanto outros, como Flórida e Texas, recusam-se a implementá-lo, por considerarem que violaria os direitos fundamentais dos americanos.

Com informações da Associated Press e AFP.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *