Comprar maconha pela internet é crime, mas sites so crescem, confira!

Sites que vendem a droga pela internet tem crescido, mesmo com as campanhas antidrogas. Comprar maconha pela internet é crime, mas segue acontecendo, confira!

Desde o inicio da década, houve uma enorme discussão acerca do consumo da maconha, nome comercial da erva canabis sativa. Mas para alem das discussões da regulamentação dos produtos derivados dela como o oleo canabidiol que ajuda no tratamento de várias doenças, o consumo da erva para o fumo, esse somente tem crescido. E mesmo com campanhas de repressão, isso está longe do fim, acompanhe e entenda.

Sites que vendem maconha não param de surgir na internet

Embora a repressão policial tenha aumentado, todos nos sabemos que não é dificil encontrar sites que lhe permitem comprar maconha online de forma fácil e sem complicação. Alguns sites são ate bem tecnológicos e aceitam pix e cartão de credito.(Alguns ate aprcelam em 12x dizem) .

maconha online

Pessoas vendendo em redes sociais

Recentemente, na Vila Vitória, resultou na prisão de um traficante que anunciava o comércio de drogas na internet. A ação faz parte de uma sequência de sucessivas incursões contra o tráfico de drogas na cidade.As apurações foram conduzidas pela Divisão de Investigação Criminal (DIC) de Laguna. Os policiais detectaram que há algum tempo, o preso expunha drogas para venda em redes sociais, tentando obter mais compradores na cidade. Muitas pessoas nas redes sociais tem tentado vender maconha, fingindo tratar-se de outra coisa, ou utilizando codigos para se referir a droga.

Comprar maconha pela internet é crime?

De acordo com o Ministério Público Federal, a compra pela internet de entorpecentes pode ser enquadrada no crime de tráfico. Recentemente, em abril de 2022 a Procuradoria da República em São Paulo ofereceu uma denúncia contra um estudante de 29 anos, morador de Brasília, que fez negócio pela web. Ainda de acordo com a mesma lei, o comércio ou mesmo a simples menção positiva em sites na internet ja pode ser considerada como apologia as drogas a depender do caso. Embora países como os EUA tenham iniciado leis para anistiar quem apenas tem a maconha em pequena quantidade para consumo próprio, as leis brasileiras ainda estão bem distantes disso.

Ações da PM prendem mais de 70 pessoas

Recentemente, a PF deflagrou operações que  prenderam mais de 70 pessoias nas cidades de São José do Rio Preto (SP), Santa Fé do Sul (SP), Rio Claro (SP), Praia Grande (SP), Campos do Jordão (SP), São Paulo (SP), Contagem (MG) e Almirante Tamandaré (PR).

De acordo com as investigações, os perfis na rede social eram usados para vender variantes de maconha de alto valor agregado que custavam até R$ 150 a grama. Inicialmente as drogas eram compradas, de acordo com a polícia, por um grupo de pessoas em São José do Rio Preto e elas faziam a revenda utilizando a internet e fazendo o envio pelos Correios. Ao chegar nos endereços que foram alvos dessas bsucas, a Polícia Federal apreendeu as drogas e bastante quantia em dinheiro provinda dessas vendas.

Considerações finais

Bom, espero que tenha entendido a gravidade desse caso. Novidades e novas informações iremos adicionando na matéria.Apesar de existiremm alguns benefícios em comprar produtos legais derivados da maconha online, como cbd, chocolates e outros itens regulamentados, também existem vários perigos, com riscos à saúde e penalidades legais. Muito cuidado com sua conduta online.

Por fim ja falamos em outro artigo sobre

Sugestões de novos artigos podem ser deixadas nos comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *